Fonte: OpenWeather

    Vacinação


    Campanha contra poliomielite e multivacinação ocorre em Manaus

    A ação, promovida pela Prefeitura de Manaus, propõe a vacinação de crianças e adolescentes na faixa etária de zero a 14 anos

    São 135 postos fixos e 200 volantes disponibilizados na capital amazonense | Foto: Ingrid Anne/Semcom

    São 135 postos fixos e 200 volantes disponibilizados na capital amazonense
    São 135 postos fixos e 200 volantes disponibilizados na capital amazonense | Foto: Ingrid Anne/Semcom

    Manaus - Ocorre neste sábado (17) o Dia “D”, de mobilização de multivacinação e a campanha contra a poliomielite, em mais de 300 postos em toda capital amazonense. A ação, coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e promovida pela Prefeitura de Manaus, disponibiliza 135 postos fixos e 200 volantes.

    O público a ser atendido são crianças e adolescentes na faixa etária de zero a 14 anos, de 8h às 17h. São mais de 900 profissionais de saúde em atuação. A recomendação é que os pais apresentem o cartão de vacina na hora do atendimento, para que seja verificado quais vacinas necessárias para imunização.

    “É muito importante que as pessoas compareçam a unidade de saúde, ou qualquer posto de vacinação, com o cartão de vacina. O corpo técnico vai avaliar quais as vacinas pendentes para que todas as crianças e jovens estejam imunes de qualquer doença e que não haja reincidência viral de nenhum tipo. A melhor forma de evitar doenças graves é fazendo a prevenção”, alertou o secretário municipal de Saúde, Marcelo Magaldi.

    Na campanha contra a poliomielite, todas as crianças na faixa etária de 1 a 4 anos deverão receber uma dose da Vacina Oral contra Poliomielite (VOP). Para crianças de dois meses até 11 meses e 29 dias, os profissionais de saúde irão avaliar o cartão de vacina e verificar a necessidade de doses da Vacina Inativada contra a Poliomielite (VIP).

    Campanha de vacinação contra a poliomielite é voltada a crianças de 1 a 4 anos
    Campanha de vacinação contra a poliomielite é voltada a crianças de 1 a 4 anos | Foto: Ingrid Anne/Semcom

    Para o vigilante Alessandro Ferreira, 36, a campanha é uma forma de garantir a saúde de sua filha ainda mais em um período tão difícil quanto a pandemia do novo coronavirus.

    “Eu soube através dos meios de comunicação e chamei a minha filha Yasmim, de 13 anos, para vir atualizar o cartão de vacina dela. Hoje vivemos um momento de incertezas e se prevenir de todo o tipo de doença que pudermos é o melhor caminho e graças à Deus minha filha pensa da mesma forma. A gente tem que correr atrás, não esperar acontecer o pior”, disse.

    Postos volantes

    O Dia “D’ de mobilização é uma estratégia utilizada para ampliar o número de postos de vacina, atendendo a população em um sábado, quando pais e responsáveis que trabalham durante a semana terão uma nova oportunidade para proteger os filhos contra várias doenças.

    Além dos postos fixos de vacinação, a prefeitura garantiu a instalação de 200 postos volantes realizando a busca ativa para vacinação de crianças e adolescentes em locais de grande circulação de pessoas, como supermercados e shoppings.

    “Eu tenho três filhos e eu não deixo faltar nenhuma vacina para eles. Eu coloco a saúde dos meus filhos em primeiro lugar e mesmo indo no posto de saúde com frequência, a iniciativa de ter postos de vacinação móveis vem ajudar tanto a mim, quanto a qualquer um. É importantíssimo que todos se atentem as vacinas, mantenham elas em dia, para que todo tipo de doença seja exterminado”, ressaltou a dona de casa Francinêis Amancio de Oliveira, 40.

    A ação deste sábado também está disponibilizando as seguintes vacinas: BCG, que previne a tuberculose; Pentavalente, contra a difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e o vírus Haemophilus influenzae B; Rotavírus, contra a gastrointerite; Pneumocócica 10, que protege a pneumonia, meningite e otite; Meningocócica C; Meningocócica ACWY (para adolescentes de 11 e 12 anos); Tríplice viral, que previne sarampo, caxumba e rubéola; Varicela; Vacina HPV; Hepatite A; Dupla Adulto, contra difteria e tétano; e Febre Amarela.

    A campanha foi iniciada no dia 5 de outubro, já ofertando as vacinas em 168 pontos de atendimento nas zonas Norte, Sul, Leste, Oeste e rural de Manaus e segue até o final de outubro. A lista com o endereço dos 135 postos fixos que estão funcionando hoje, no Dia “D”, pode ser acessada no site da Semsa (semsa.manaus.am.gov.br).

    *Com informações da assessoria

    Leia mais

    Resultado preliminar de fomento do Fundo Manaus Solidária é divulgado

    Arthur Neto vistoria obras de asfaltamento no Parque Riachuelo

    Centro de Esporte e Lazer Dom Jackson é revitalizado na Compensa

    Comentários