Fonte: OpenWeather

    Cetam


    Comunidade indígena da zona Leste de Manaus recebe curso do Cetam

    Ao todo, são 17 matriculados e a própria comunidade requisitou ao Cetam o curso de qualificação profissional em auxiliar administrativo

    São 17 alunos inscritos
    São 17 alunos inscritos | Foto: Cleudilon Passarinho/Cetam

    Manaus - A comunidade indígena, batizada de Wotchinaücü, localizada na Cidade de Deus, zona Leste de Manaus, passou a receber o curso de qualificação profissional  em auxiliar administrativo. O pedido foi feito pelos moradores e atendido pelo Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam).

    São 17 alunos inscritos que não perdem as aulas ministradas pelo instrutor do Cetam, o indígena Aguinilson Araújo Péres, de 34 anos, da etnia Ticuna. Ele, que reside em Wotchinaücü há 25 anos e falou da importância de qualificar jovens e adultos da comunidade.

    “Dos 150 indígenas que residem no local, pelo menos 25 encontram-se desempregados”, informa o instrutor, complementando que o mercado está cada vez mais exigente e é aí que o Cetam faz a diferença. “Esse certificado agrega valor na hora de o aluno buscar uma vaga de emprego”, ressalta o professor.

    O diretor-presidente do Cetam, professor José Augusto de Melo Neto, reforça o compromisso da instituição em ofertar cursos técnicos e de formação inicial e continuada que possibilitem sempre a inclusão social. Ele adianta que novos cursos estão sendo planejados para 2021.

    *Com informações da assessoria

    Leia mais:

    Wilson  Lima ressalta a importância da atenção básica em saúde de Manaus 

    Unidade Móvel deve atender 10 mil mulheres vitimas de violência no AM

    Comentários