Fonte: OpenWeather

    Internet


    Claro fornece tecnologia para o primeiro carro conectado com Wi-Fi

    Com o “Wi-Fi Powered by Claro”, passageiros podem utilizar o próprio veículo como hotspot para acessar a internet móvel da operadora, sem consumir dados do smartphone

    Os proprietários do novo Cruze Premier terão a oportunidade de testar gratuitamente | Foto: Divulgação

    Acaba de ser apresentado o novo Chevrolet Cruze, primeiro carro conectado do mercado brasileiro que oferece o “Wi-Fi Powered by Claro”. Com a tecnologia será possível navegar na rede de internet móvel 4.5G da operadora, utilizando uma solução já embarcada no próprio veículo.

    A novidade permite que os passageiros conectem smartphones, tablets e outros aparelhos ao Wi-Fi do veículo, permanentemente conectado à rede da Claro. O módulo automotivo possui um e-SIM (chip virtual) que possibilita acessar os serviços móveis da Claro, enviar informações de telemetria para a montadora e emitir o sinal de Wi-Fi para o carro. A tecnologia proporciona conexão em alta velocidade para até sete dispositivos simultâneos e também dá acesso a aplicativos na tela da central multimídia. E através do OnStar, os motoristas podem acessar diversos serviços conectados, como Segurança e Emergência.

    “O próximo novo da Claro é o carro conectado. Além da conexão ao Wi-Fi dentro do veículo, sem precisar consumir a internet do smartphone, o serviço garante acessar remotamente informações de manutenção do veículo ou mesmo gerar alertas de segurança em caso de acidentes. A Claro trouxe para Brasil a tecnologia e-SIM, que ativa serviços móveis em diversos dispositivos conectados, sem precisar de um chip físico. É essa tecnologia, junto com a plataforma de IoT da Claro, que permite levar a internet das coisas também aos carros conectados, com Wi-Fi para os passageiros. O novo Cruze Premier sai na frente ao contar com internet móvel da Claro, a mais rápida do Brasil”, afirma Marcio Carvalho, diretor de marketing da Claro.

    Além de economizar o plano de dados do smartphone ao acessar a internet no Wi-Fi do carro, o usuário se beneficia da antena externa do veículo, que permite uma intensidade de sinal até 12 vezes maior em deslocamento. Com o sinal Wi-Fi do carro, o smartphone tem um acesso em alta velocidade, sem consumir os dados do plano móvel e com melhor qualidade de sinal do que se conectado diretamente à rede móvel, graças à antena de maior ganho.

    Os proprietários do novo Cruze Premier terão a oportunidade de testar gratuitamente o “Wi-Fi Powered by Claro” nos primeiros meses de uso. Após o período de degustação do serviço, os motoristas poderão entrar em contato para mais informações de compra de novos pacotes por meio dos canais de acesso aos clientes Chevrolet, como o site meu.chevrolet.com.br, pressionando o botão azul dentro do veículo com disponibilidade de tecnologia OnStar ou ligando na Central de atenção ao cliente pelo número 0800-0474320.

    A Claro foi escolhida como parceira deste projeto mundial em diversos países onde atua. No Brasil, o projeto foi conduzido pela Embratel, marca da Claro dedicada para o segmento B2B e soluções corporativas. Juntas, Claro e Chevrolet vão seguir evoluindo e adicionando funcionalidades e serviços, para oferecer uma jornada integrada para toda família, de conectividade e aplicações digitais, em casa, na rua ou no carro.

    Este lançamento reforça a liderança da Embratel e da Claro em IoT, incluindo soluções de carros conectados, casa conectada, agrotecnologia e mobilidade. A conectividade Inteligente da Claro, somada a aplicações dedicadas, possibilita inúmeras facilidades no caso do carro conectado.  “O motorista pode ser informado sobre a pressão dos pneus, se é hora de trocar o óleo, ligar o motor a distância, entre outros. Numa época em que bilhões de dispositivos estão conectados e são gerados milhões de dados, a Inteligência Artificial permitirá muita automação e modelos de manutenção preventiva”, diz Mario Rachid, diretor executivo de Soluções Digitais da Embratel.

    *Com informações da assessoria  

    Comentários