Fonte: OpenWeather

    Ameaça


    Vídeo: revoltado com nota, aluno ameaça professor na UEA em Manaus

    Conforme a denúncia, o universitário estaria armado dentro da unidade de ensino

    O suspeito tinha como alvo um docente e um colega de turma
    O suspeito tinha como alvo um docente e um colega de turma | Foto: Divulgação

    Manaus - Após sofrer ameaças de um aluno de medicina, ainda não identificado, um professor da Escola Superior de Ciências da Saúde (ESA), da Universidade Estadual do Amazonas (UEA), acionou policiais militares na manhã desta terça-feira (13). A unidade está localizada na avenida Carvalho Leal, bairro Cachoeirinha, Zona Sul de Manaus.

    Conforme a denúncia, o universitário estaria armado dentro da unidade de ensino. Ele tinha como alvo um docente e um colega de turma. O motivo do ataque seria a revolta do suspeito, que havia recebido uma uma nota baixa. 

    Segundo um tenente da 1ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), que atendeu a ocorrência, a equipe policial não localizou o suspeito. "Recebemos a denúncia do professor e alguns alunos relataram que o suspeito estava armado, mas ele não foi encontrado no local. Orientamos que o professor registre um Boletim de Ocorrência", disse o policial. 

    Trechos de mensagens de WhatsApp, que circularam nas redes sociais, de outros alunos da instituição, descrevem que o suspeito pretendia atacar um professor identificado como Geraldo e um aluno chamado Orlando. 

    Na conversa, o suspeito fala sobre a revolta com o recém-lançado Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), uma plataforma de Ensino à Distância (EAD) da UEA.

    "A minha nota do AVA equivale a vida de pessoas. Estou na ESA armado", descreve. 

    Posicionamento

    Por meio de nota, a UEA informou que o reitor da unidade tomou ciência do suposto ato delituoso de ameaça à integridade física de professores. Prontamente acionou a Chefia da Casa Militar do Estado com o objetivo de garantir a segurança na unidade.

    Assim, orientou à direção da Escola a proceder Boletim de Ocorrência no 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e abriu ex officio às medidas administrativas e disciplinares cabíveis em relação aos envolvidos.

    Assista à reportagem da TV Em Tempo:

    Assista a reportagem | Autor: Luiz Rodrigues/ TV Em Tempo
     


    Comentários